Alinhamento e Balanceamento

Compartilhe

Alinhamento e Balanceamento

alinhamento e balanceamento

É o ajuste da posição das rodas na suspensão, atendendo as medidas especificadas pelo fabricante do veiculo automotor visando garantir a segurança, estabilidade do veículo e correto desgaste dos pneus.

Realizar o alinhamento das rodas é fundamental para garantir a vida útil dos pneus, menor consumo de combustível e a segurança dos passageiros.

O processo de alinhamento consiste na medição da convergência, cambagem e caster do veículo e posterior ajuste dentro das especificações da montadora. A regulagem da cambagem e caster, normalmente só é possível através de reparos de desempeno, assim o ajuste de alinhamento, em sua grande maioria é efetuado somente na convergência.

Convergência

Quando as rodas estão apontando em direção à linha de trajetória uma da outra, dizemos que estão convergentes. Quando apontam em direções opostas, dizemos que estão divergentes.

Convergente – Um ajuste de alinhamento convergente torna o veículo mais estável em linha reta, pois a roda do lado para onde o veículo foi direcionado ficará reta e somente depois inicia o direcionamento do veículo, assim o movimento é mais lento e permite absorver irregularidades ou pequenos movimentos sem tirar o veículo da trajetória.

Divergente – Já o ajuste divergente dá maior agilidade para entrar em curvas, justamente pelo comportamento oposto ao divergente, ou seja, a roda do lado interno já está apontada para a curva, então a resposta ao movimento do volante é mais rápida.

Quando o veiculo apresenta medidas de convergência diferentes das especificadas pelo fabricante, o resultado é um desgaste excessivo da banda de rodagem (escamas) nas raias internas e na área do ombro do pneu.

Cambagem

É o ajuste que designa a inclinação da roda, parte de cima e de baixo, em relação a um plano vertical. A cambagem é o grau de inclinação da parte superior da roda, podendo ser negativa (para “dentro” do veículo) ou positiva (para “fora” do veículo) em relação a um plano vertical. A cambagem negativa, acima do grau determinado pela montadora do veiculo, desgasta a parte interna dos pneus e a cambagem muito positiva desgasta a parte externa do pneu.

Caster

É a inclinação do pino para a frente ou para trás, com relação à vertical, a fim de proporcionar melhor dirigibilidade ao veículo quando em movimento. Caster desigual faz com que o veiculo apresente desvio para um lado e provoca desgaste irregular dos pneus.

Quando devemos conferir o alinhamento?

  • A cada troca de pneus;
  • Quando o veiculo bater contra um obstáculo;
  • Quando os pneus apresentarem desgaste irregular;
  • Quando o veículo puxar para um dos lados;
  • A cada 10.000 km rodados, por ocasião do rodízio e balanceamento;
  • Caso haja a substituição de alguns dos componentes da suspensão.

Balanceamento

O balanceamento é uma técnica de equilíbrio do conjunto de roda e pneu, por meio da aplicação de contrapesos fixados na roda. O balanceamento é fundamental para a conservação do pneu, já que a concentração de peso em um ponto da circunferência provoca ali, um desgaste localizado.

Quando devemos conferir o balanceamento?

  • A cada troca de pneus;
  • Quando sentir trepidação no volante;
  • Quando consertar o pneu;
  • A cada 5.000 km ou no máximo 10.000 km rodados, pois o desgaste da banda de rodagem altera o peso e consequentemente o balanceamento pneu/roda.